Status do RPG: Aberto a novas inscrições
Ao se cadastrar, favor fazê-lo com o futuro nome de seu personagem. Exemplo: Uchiha Sasuke, Uzumaki Naruto. Tenha em mente que a ativação da conta se dá por um link mandado ao seu email de cadastro, portanto utilize uma conta válida.
Link us!




Quem está conectado
2 usuários online :: 1 usuário cadastrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Jiraiya

O recorde de usuários online foi de 45 em Sex Abr 01, 2016 6:17 pm

O guerreiro solitário

Ir em baixo

O guerreiro solitário

Mensagem por Kousei em Seg Abr 23, 2018 5:53 pm

Missões Rank D



  1. Transportar mercadorias legais, ilegais ou "chamativas" (ex: dinheiro, joias) dentro de uma cidade ou vilarejo;
  2. Livrar um local de fanfarrões, encrenqueiros ou qualquer tipo que desagrade o cliente;
  3. sabotar algum comerciante;
  4. Aplicar punição ou "assustar" o alvo designado pelo cliente (não envolve confronto de nível ninja);
  5. Roubar uma pequena mercadoria ou objetivo;
  6. cobrar impostos;


Missões Rank C



  1. Acabar com um ponto de atuação de facção inimiga do contratante (ponto de venda de drogas, local de reunião, etc);
  2. Assassinar um alvo ou pequeno grupo de baixa importância;
  3. Interceptar um carregamento;
  4. Escoltar/Defender uma figura importante (pessoa legal, pessoa do submundo ou objeto importante);
  5. Obter uma informação sigilosa da facção inimiga, do governo local, de um comerciante poderoso, etc. (Não envolve proteção de nível ninja);
  6. Transportar mercadorias (de qualquer tipo, porém preciosas ou importantes) por longas distancias dentro do mesmo país;


_________________

avatar
Kousei
Mercenário | Rank D+ | Hangyaku
Mercenário | Rank D+ | Hangyaku


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O guerreiro solitário

Mensagem por Kousei em Seg Abr 23, 2018 5:54 pm

Uma missão rank D para ter um contexto

_________________

avatar
Kousei
Mercenário | Rank D+ | Hangyaku
Mercenário | Rank D+ | Hangyaku


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O guerreiro solitário

Mensagem por Kousei em Qua Abr 25, 2018 12:31 am

Sem querer eu excluí a rolagem de dados, mas foi rank D tipo 5 roubar uma pequena mercadoria ou objetivo. Também fiz o rp de pesquisa da armadura do purgatório.

-Mas diz aí, você realmente consegue usar essa "espada" que você carrega?

-Sim – Eu estava em um barco com um sujeito que estava me levando para o país do mar, mais precisamente a ilha demônio. Estava em uma missão para roubar uma droga, meu contratante havia me informado que um traficante no país do mar havia desenvolvido uma droga que estava fazendo muito sucesso e todos os clientes estavam comprando desse traficante, minha missão era roubar a receita dessa droga e trazer de volta.  

Eu havia recebido do meu contratante dados dizendo quem era o traficante, então eu deveria obter informações dizendo onde ele se encontrava e roubar a receita.  

-Chegamos – o meu motorista para o barco perto de um pequeno cais – Eu estarei de volta em três dias, nesse mesmo horário. Se não estiver aqui procure outra pessoa. Boa sorte.

Eu nem me dou ao trabalho de responder ao desejo de boa sorte, coloco minha espada e minhas costas e me cubro completamente com minha capa cobrindo parcialmente minha espada, mostrando só o cabo e a ponta. Subo do barco para o cais e sigo uma caminhada de alguns minutos pela trilha que peguei até ela me levar para uma vila.

Já na vila procuro um bar o taverna para conseguir alguma informação e comer alguma coisa. Alguns minutos caminhando pela vila e acho uma taverna.


Na porta dela havia uma águia de ferro com uma argola para bater na porta porta. Assim que me aproximo para abrir a portam, ela é arrombada e dois homens, um careca e um cabeludo saem rolando.

-Vai! Me zoa de careca de novo filho da puta! –
o careca vitorioso, fica por cima do cabeludo e começa a espancar a cara do outro homem até seu nariz afundar dentro do seu próprio rosto enquanto o sangue começa a escorrer de suas narinas para o chão barrento da vila.  

Eu assisto toda a cena, eu mesmo não sei o porquê, talvez havia ficado curioso para ver quem sairia vitorioso, o careca passa por mim, mas mãos sem antes lançar um olhar de intimidação. Patético.

A taverna tinha um forte cheiro de vomito e suor, estava suja e mais parecia um chiqueiro, eu não poderia esperar muita coisa também. Existia algumas mesas e todas estavam lotados com homens e suas canecas de cerveja e seus copos de sake, bebendo, se xingando e brigando, uma clima adorável.Eu me sento de frente para o balcão.  

-O que você vai querer? - o balconista fala de forma estúpida enquanto limpa o interior de um copo com um pano.

-O que vocês tem para comer?

-Carne seca e azeitona

-Eu quero carne seca

-10 ryous

-O que? Tudo isso por um pedaço de carne seca?  

-Não gostou vá para outro lugar.  

filho da puta.

-Tudo bem 

O homem pega em baixo do balcão um pote de vidro com um pedaço de carne seca. Ela estava fria e muito dura, aquilo não devia valer nem 2 ryous. Mas eu estava com tanta fome que nem ligava

-E quais são os boatos. - eu pergunto enquanto tentava cortar com os dentes aquele pedaço de carne velha em minha boca.

O homem olha para mim, me avaliando

-Você é mercenário?

-Se você quiser por dessa forma


-Eu fiquei sabendo que o diabo voltou a sua casa.

-O diabo?


-
Sim, o diabo. Essa ilha que você está pisando, não tem esse nome só por causa da laia que pisa nesse lugar. Não. Ela recebeu esse nome, por que a séculos atrás havia um demônio que vivia nessa ilha.

-Um demônio você, diz?
- admito, ele pegou minha atenção

-Sim, um demônio.  Esse demônio foi que vivia aqui foi derrotado, e para impedir que ele voltasse a ser livre ele foi preso dentro de uma armadura, a armadura usada pelo guerreiro que o derrotou. Acontece que a armadura havia sumido, mas de alguma forma ela retornou para cá.

-E como ficou sabendo disso?


-Eu senti

-Você sentiu?
- respondo de forma cínica

-Escuta aqui, moleque. Eu vivo a vida inteira nessa ilha, eu senti quando ela foi embora e senti quando ela retornou.

-E onde ela está?

-Eu por acaso tenho cara de bússola?  

-Tsc
– Eu estava quase cedendo a vontade de quebrar o nariz desse idota – de qualquer forma. Fiquei sabendo que tem um cara que vende um...produto de excelente qualidade. Kansei eu acho que era o nome, eu queria comprar para ver como que é.

-E eu achando que você prestava, é só mais um viciado. Ele se encontra na vila bousatsu, só ver uma casa cercada por viciados

Agora que recebi minha informação eu me levanto e me retiro, sem antes deixar o quanto ele mereceu.

-Ei, aqui só tem 2 ryous!

-É o máximo que merece – fala olhando por trás do ombro

-Maldito! Ei, esse desgraçado não pagou!

Ao meu redor alguns homens começam a se levantar

-Quer sair sem pagar, é?


-Você, não parece daqui. Vou te mostrar o que acontece com pessoas da sua laia aqui!

Três homens se levantam e partem em minha direção parecendo animais.


podem vir

Com um corte limpo e um sorrio em meu rosto minha espada passa pelos três, cortando eles todos ao meio. Seus restos caem no chão enquanto o assoalho é sujo por uma gigantesca poça de sangue e tripas. Os homens ao redor de mim olham para mim chocados. 

-Que espada é aquela?

-Ele cortou os três ao meio

Eu coloco minha espada em minhas costas e saio da taverna, já sabia para onde deveria ir.

Eu passo a noite em uma caverna, minha capa não era muito quente, mas era o suficiente para me esquentar. Para me apoiar usei minha espada como travesseiro eu me sentia mais confortável com ela sempre ao meu lado.

No dia seguinte eu acordo com o cantar dos pássaros, minhas costas estava duras, mas com uma girada no quadril eu estalo e alivio a pressão. Me recomponho e sigo para a vila em questão.  

As vilas desse lugar não se diferenciavam muito umas das outras, todas pareciam um chiqueiro. Depois de alguns minutos caminhando eu chego em uma espécie de casebre, uma fila se estendia da porta do lugar e alguns mendigos. Acho que cheguei onde queria.

-É aqui que se encontra aquela droga nova?  

-Sim

-Obrigado.
- eu me dirijo para porta

-Ei não pode furar fila – exclama o homem atrás de mim

Eu vou passando pelas pessoas até chegar na porta, havia dois guardas.

-Ei, amigo espere sua vez como todos os outros
– ele se vestia como um bandido, da cabeça aos pés, talvez isso aqui seja algo intimidador.  

-E se eu não quiser esperar? - Eu provoco, queria ver como ele reagiria.

Ele olha para o companheiro dele e sorri todo convencido para mim, ele talvez ache que  eles dois tinham alguma vantagem contra mim. hahahaha, homens sempre são confiantes quando tem um suporte. Vamos ver até onde essa confiança chega.

-Tudo bem então, haaaa – o homem saca sua espada e desfere um golpe vertical sem nenhuma perícia. Com minha mão direita eu seguro a sua mão de ataque e quebro seu pulso, quando ele solta a espada dele eu furo sua cabeça atravessando seu olho. 

-Ora seu... - eu uso a mesma espada para calar a boca desse outro homem, que cai inerte no chão. Com gritos a fila se desfaz. Eu largo os dois e a espada e derrubo a porta com um chute.

Eu entro no lugar, minha mão vai para o caso de vir mais guardas, mas o local estava vazio

-Sem mais guardas? - falo decepcionado. Eu queria um pouco mais de diversão. E que traficante é esse que faz sucesso e não tem guardas? 

*CRACK*

Ouço o som de algo se quebrando no andar de cima.  

-Te achei

Eu subo pelas escadas até chegar em um quarto. Agachado do lado de uma cama estava um homem com longos cabelos escuros agarrado com um pedaço de papel. Ao seu lado cacos de vidros de um frasco e uma pequeno pó roxo. Eu caminho até ele e estendo a mão.

-Por favor...


Eu não digo nada, meus olhos falam por mim. Eles transmitem para o homem o que vai acontecer com ele se ele não me entregar o papel. Ele estende o braço tremendo e me entrega o papel. Missão cumprida e sem nenhum problema. Eu me retiro do casebre e sigo para meu ponto de encontro para sair da ilha.

_________________

avatar
Kousei
Mercenário | Rank D+ | Hangyaku
Mercenário | Rank D+ | Hangyaku


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O guerreiro solitário

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum